Preencha os campos abaixo para submeter seu pedido de música:

logomarca-redonda-site
No comando: Música 24 Horas

Das 01:00 as 23:59

Tropkillaz mostra Anitta e leva funk ao Lollapalooza em bailão empolgante

Compartilhe:
lolla

Em vídeo, cantora anunciou MC Zaac para cantar ‘Vai, malandra’ no último dia de festival. Dupla de DJs tocou hits da rádio, faixas obscuras e trap pesadão para público vibrante.

Tropkillaz toca “Vai Malandra” no Lollapalooza 2018

 Quem revira os olhos para o Lollapalooza porque gosta mesmo é de rebolar encontraria espaço no show dos DJs do Tropkillaz, neste domingo (25). Teve até Anitta – em vídeo, mais teve (assista acima). E além disso:
  • Funk que bomba no streaming e toca na rádio, mas também “proibidões”
  • Mc Zaac cantando o megahit “Vai, malandra”
  • Trap pesadão e versões de hits do momento
  • Dançarinos tremendo o bumbum em cima da mesa de som
  • Homenagem a Marielle Franco

Zegon, 48 anos e ex-Planet Hemp, e André Laudz, 25, formam a dupla de DJs e produtores que comandaram um baile empolgante na tarde do último dia de festival.

Millennials saudosos do The Killers e fãs do melancólico som de Lana del Rey se uniram para descer até o chão, junto com os ótimos dançarinos no palco, tremendo o bumbum em cima da mesa de som. Tudo isso embaixo de um sol escaldante.

Discretos, os DJs fazem o trabalho enquanto o coletivo Heavy Baile conduz uma plateia alucinada. Partiu de MC Tchelinho, integrante do grupo, uma homenagem à vereadora Marielle Franco (PSOL), morta a tiros no Rio no último dia 14. “Sua luta não será esquecida. Parem de matar minha gente” , disse.

Tropkillaz toca Milk and Honey no Lollapalooza 2018

Vai, malandra

Anitta apareceu em um vídeo no telão logo no início, para delírio do público. “Hoje não deu para ir, mas vou chamar um amigo meu”. A interação teve cara de espontânea, com um toque de celular saindo das caixas de som do palco.

Apareceu MC Zaac, de “Vai embrazando”, pouco aproveitado no show. Ele só cantou um trecho de “Vai, malandra”, música de Anitta da qual participa com Maejor e o DJ Yuri Martins, além do Tropkillaz.

O duo, que assina a produção da música, foi responsável por achar um meio-campo entre o funk, o rap e o pop da cantora.

Dupla do Tropkillaz comanda show no palco Axe do Lollapalooza Brasil 2018 (Foto: Fábio Tito/G1)

 Esses três elementos também deram o tom da apresentação da dupla no Lolla. Um funk que toca na rádio – do nível de “Bum bum tam tam”, de MC Fioti – fazia o show parecer ter chegado ao ápice. Mas aí surgiam versões de Drake, Kendrick Lamar, Kanye West…

Itens obscuros também apareceram, como a voz de Ludmilla cantando “Não encosta no meu baseado” e a polêmica “Vem e brota aqui na base”, de MC Doguinha, 12 anos.

Tropkillaz toca Vem e brota aqui na base no Lollapalooza 2018

O Tropkillaz ainda apresentou “Milk and honey”, single em parceria com o cantor soul dos EUA Aloe Blacc, e uma música inédita de MC Kevinho, que produziu ao lado de Major Lazer.

Numa música com o Heavy Baile, a dupla diz que “toca na pista, toca na favela”. Pelo menos na pista do Lolla, fez bonito.

Deixe seu comentário:

Curiosidades

  • banner-musica

    8 CURIOSIDADES QUE QUASE NINGUÉM SABE SOBRE MÚSICA

    Música é uma das formas de arte mais difundidas do mundo. Além do entretenimento em si, ouvir música pode também trazer alguns benefícios para seu bem-estar. A música não só ajuda a relaxar, mas também pode... Leia mais

    Em 23/07/2019
  • Copa América 2019 Será no Brasil

    Confira as maiores curiosidades da Copa América

    Disputada desde 1916, a Copa América chega a sua 46ª edição, e será realizada pela quinta vez com sede no Brasil A Copa América de 2019, que tem como sede o Brasil começa nesta sexta-feira (14) com a partida... Leia mais

    Em 14/06/2019